Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

A Juréia, a Serra do Mar e outras áreas da Mata Atlântica costeira

restinga

Ao alcance de todos que vivem nas cidades litorâneas, ou que percorrem suas rodovias, uma floresta exuberante salta aos olhos dos mais diversos espectadores, intacta, aparentemente impenetrável, uma “muralha verde”. Contraditoriamente, nesta área de tamanha riqueza natural, o que tem ocorrido há muito tempo é um legado ambiental da falta de significado e importância de toda a sociedade e de seus representantes na política, o que resulta em caça, extração ilegal de palmito, desmatamento e ocupação de áreas protegidas, sem a real noção do enorme prejuízo que isso causa aos animais ameaçados de extinção. Logo, não só a preservação de grandes áreas naturais basta para conservar toda a integridade deste bioma, mas o entendimento de como os animais usam seus territórios e até quanto agüentam a pressão humana exercida de diversas maneiras.

O efeito da “floresta vazia” alerta sobre a ação silenciosa da extinção, que apesar da cobertura arbórea extensa, a biodiversidade pode estar comprometida por muitos desfalques sob esta cortina verde. A herança dos quase 8% desconexos de Mata-Atlântica do Brasil, não é só um número alarmante para ser debatido por biólogos conservacionistas em buscas de soluções, mas um incentivo para alavancar o surgimento de uma nova geração moldada por conhecimentos de suas realidades, do desenvolvimento da ciência, da qualidade de vida e da própria sustentabilidade regional.

Chegamos ao ponto de conhecer ainda mais para preservar a integridade natural que ainda resta. Este site tem o papel de responder e de lançar novos questionamentos, divulgar o conhecimento e buscar parcerias para a preservação de onças, que por si só, já tem a função natural e histórica de guardiãs da biodiversidade de nossas matas.


 

PROJETO JAGUAR - pesquisa e preservação de onças na mata atlântica costeira do Brazil - Tel. 055 13 3455-9604 © Projeto Jaguar - Desenvolvido por ZEROMAIS